Notícias Manutenção Interna

Anuncie aqui

Aprenda a colocar em prática a captação e reutilização de água em casa e no condomínio

Água coletada poderá ser utilizada para atividades como lavagem de calçadas e áreas externas, regar os jardins e descarga nos banheiros

Aprenda a colocar em prática a captação e reutilização de água em casa e no condomínio

A economia de água deve ser colocada em prática não só dentro de casa, pelos moradores, mas também no condomínio, pelo síndico e administração. Dentro de um condomínio, a economia pode ocorrer por meio da reutilização da água, com implementação de um sistema de captação e reúso, principalmente da água da chuva.

Com o problema da falta de água se tornando uma questão cada vez mais frequente, alguns condomínios vêm se preocupando com a instalação de sistemas que auxiliem a minimizar alguns problemas relacionados à água.

Para implementar um sistema de captação e reúso de água no condomínio é preciso algumas elementos. A bacia coletora para o telhado vai captar a água da chuva; as calhas e coletores seguram os resíduos como galhos, folhas e outras sujeiras maiores; o desferrizador, que tira o ferro e o manganês que estão na água; separador de primeiras águas, que separa a primeira chuva, que não deve ser reaproveitada; a unidade de desinfecção retira as bactérias da água utilizando cloro, ozônio ou algum outro material; a cisterna é o reservatório fechado que serve para guardar a água da chuva, resguardando-a da entrada de sujeira e luz do sol; o sistema de pressurização são as bombas que enviarão a água estocada para as caixas de alimentação; e por fim a tubulação, para uso independente e exclusivo da água reservada para reutilização.

O processo é simples: a água da chuva é captada do telhado e coletada para calhas que a levam até um reservatório. Depois disso, passando por um processo de filtragem, ela é enviada para uma caixa d’água. A partir da caixa d’água, ela é distribuída para uso diverso.

A água coletada poderá ser utilizada para atividades como lavagem de calçadas e áreas externas, regar os jardins e descarga nos banheiros.


Em casa

Em casa, a água pode ser utilizada em atividades domésticas. Uma das coisas que mais desperdiçam água é lavar roupa com a máquina. No entanto, para que o impacto seja menor, é possível utilizar a água da primeira lavagem para dar descarga no vaso sanitário. Por conter sabão e outros resíduos, esse recurso concentra muitas bactérias, então seu uso é recomendado apenas para este fim.

Ainda com a máquina de lavar, é possível reaproveitar a última água do enxágue. Esta é uma água de reuso praticamente limpa e, por isso, pode ser utilizada na lavagem de banheiros, pisos, áreas externas e carros.

No banho, por mais rápido que seja, o desperdício de água é inevitável. Para reaproveitar a água que iria para o ralo, a ideia é posicionar baldes dentro do box. Com essa água, você pode fazer a limpeza doméstica da área de serviço, da cozinha ou do próprio banheiro.

Por fim, a água utilizada para lavar vegetais e frutas (especialmente sem sabão) pode ser reaproveitada para regar plantas ou fazer faxina. No entanto, o recurso usado para lavar pratos e panelas não é uma opção de reutilização já que estão contaminadas com grandes índices de gordura, açúcar e outros resíduos.

 

 

Fonte: iBahia


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *