Notícias Decoração Interna

Anuncie aqui

Conheça as melhores plantas para apartamento

Elas incrementam a decoração, ajudam na qualidade do ar e tornam os ambientes mais felizes 

Acredite, elas podem mudar o clima da sua casa e até seu humor. As plantas para apartamento não ajudam só a compor e destacar a decoração – embora façam isso muito bem – elas deixam os ambientes mais leves e literalmente com vida. Melhoram a qualidade do ar e podem até colaborar com uma temperatura mais fresquinha.  E o melhor: precisam de poucos cuidados.  

arquiteta Cátia Ferreira ressalta que as plantas para apartamento mais indicadas são as que precisam de pouca iluminação e rega. Como exemplo, a profissional cita as samambaias e os cactos, além da kaizuka, que é da família das suculentas. Essas espécies possuem folhas mais grossas, porque armazenam mais água.  

“Os melhores ambientes para colocá-las são os sociais. Recomenda-se ao lado do sofá, de um aparador, do rack da TV, porque vai sempre bem nos cantos. São lugares onde não têm grande circulação de pessoas esbarrando, até para garantir o bom estado das folhas e a respiração dessa planta”, aponta Cátia.  

A arquiteta garante que os benefícios são muitos. “A presença delas aquece o ambiente, no sentido de conforto, e faz cair temperatura interna”, destaca a profissional.  

designer de interiores Gil Medeiros já fez um projeto em que uma horta vertical serviu de divisória entre a área social e a cozinha. Para ela, é mais do que estética. “É trazer a natureza para dentro, reforçando o bem-estar. Elementos vivos contribuem para que tenhamos ambientes mais produtivos e arejados”.  

Gil explica que os jardins verticais são uma solução para ambientes onde não é possível colocar no piso. Mesmo com pouco espaço, esses jardins têm sido uma tendência em varandas gourmet, já que também promovem o isolamento térmico e acústico”, diz. 

Todo o cuidado com as plantinhas

Como elas não recebem muita claridade dentro de casa, precisam ser sempre adubadas. “Porque você precisa que as plantas para apartamento tirem nutrientes de algum lugar. São necessários adubos foliar e na raiz, sempre”, diz a paisagista Regina Peres. 

Se escolheu um cachepô, atenção: lembre-se que a planta está dentro de um vaso menor naquele espaço fechado. “Precisa ser uma espécie adequada para ficar ali. Já as plantas penduradas não podem ter a rega esquecida. Para isso existem hoje regadores com cabos para molhar vasos no alto, que facilitam muito”. 

As plantas de chão precisam de um vaso maior para se desenvolverem mais, explica a paisagista Kat Flores. “As suculentas e plantas pendentes podem ser colocadas em qualquer tipo de base. As suculentas precisam de pouco espaçopois as raízes se desenvolvem pouco. Para as plantas ficarem bem sempre é bom uma adubação química a cada três meses”. 

Veja as melhores espécies de plantas para apartamento 
Cactos:
São conhecidos pelo visual exótico e fácil manutenção. Apesar de ser uma planta de sol, pode ficar por muitos anos em áreas sombreadas. O que costuma acontecer nesses casos é ir perdendo força e ficando mais fina. Os cactos e suculenta, por serem de fácil cuidado, estão na moda. Tem para todos os gostos”, afirma Kat Flores. 
Samambaias:
São mais antigas e dão um volume bem bonito quando bem cuidadas. Viraram moda agora por causa do jardim vertical. Remetem à memória afetiva e podem ser usadas penduradas 
– tendência no paisagismo – ou colocadas em nichos. Mas precisam de claridade, devem ser adubadas frequentemente e regadas, no mínimo, três vezes por semana. Se ficarem sem molhar, queimam as folhas rapidamente. Existem espécies que se adaptam ao sol, sombra e meiasombra. 
Palmeira Raphis:
Resistente e que dá pouco trabalho ao dono. É uma planta que nunca saiu de moda e pode ser usada em meiasombra, com incidência de sol pela manhã. A rega varia de duas a três vezes por semana. 
Pleomele verde ou pleomele fita:
Fica bem em luz indireta ou meia-sombra. Uma planta que vem sendo bem usada no interior e em jardins de sombra, meia-sombra e sol. Podem ser usadas na varanda. Sua rega pode ser feita duas vezes por semana; 
Lança ou espada de São Jorge:
planta
s de sombra, meiasombra e sol pleno. Muito usadas no interior, pois devem ser molhadas a cada 10 dias. Ótimas para pessoas que esquecem não querem ter trabalho. 
Ficus lyrata:
Planta da moda
. É cara por ser de difícil reprodução e crescimento lento. As folhas são robustas, brilhosas e volumosas. É de sombra, meiasombra e sol pleno. Deve ser cultivada em vaso, tem raízes perigosas e que podem causar estragos. Rega duas vezes por semana. 
Palmeira icuala:
Planta de sombra e meiasombra, não pode ficar muito exposta ao ventopois as folhas rasgam e ficam queimadas, perdendo a sua beleza. Rega de até quatro vezes por semana.  
Árvore da Felicidade:
Polyscias fruticosa, planta para qualquer ambiente, muito bonita e que vem cheia de tradições. Os mais antigos falam que quem casa e ganha uma planta dessa não vai separar, vai viver bem com o companheiro e enquanto tiver vai ser só felicidade. Planta de pouca rega, pode ser uma vez por semana. Tem um cheiro um pouco peculiar, algumas pessoas são sensíveis a ele. 
Jiboia:
Usada em vasos pendurados ou potes, é uma planta de sombra e meiasombra. Muito usada em nichos, em kokedamas, em vasos diversificados. Super fácil de manutenção, rega três vezes por semana. 

 

 

Fonte: Zap Imóveis


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *